quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Editorial: Fair Play Again. E agora, governador?

Resultado de imagem para operação fair play

O blog vem recebendo alguns e-mails solicitando que publiquemos, na íntegra, o editorial que trata do pedido de demissão do ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero. A quem solicitou, estamos encaminhando sem nenhum problema, mas nos reservamos ao direito de respeitar a política de permitir o acesso integral de alguns conteúdos apenas aos assinantes. Um amigo nosso, acaba de ser censurado pela rede Facebook, segundo ele, a partir de uma representação do Palácio do Planalto. Os tempos são bicudos, como costumamos enfatizar. Mesmo com os apartes legais das intervenções dos advogados do ex-presidente Lula, durante uma audiência da Lava Jato, aquele juiz lá do Paraná ficou nervoso e mandou cortar o microfone de um deles. O legal tornou-se "inconveniente" nesses tempos de insegurança jurídica. 

Assim como temos acompanhado a repercussão de nossas crônicas pelas web e redes sociais, passamos a pesquisar, igualmente, a repercussão dos editoriais. Este editorial específico, ficou apenas abaixo do próprio site do Ministério da Cultura, o que muito nos felicita, em razão do número expressivo de acessos. Talvez em razão de nossa cultura patrimonialista, os gestores públicos não lidam muito bem com as cobranças republicanas dos cidadãos, tão pouco dão bons exemplos, permitindo que determinados atores políticos ocupem posições relevantes, mesmo com a ficha mais suja do que pau de galinheiro.(...) 

(Conteúdo exclusivo, liberado apenas para os assinantes do blog)

Nenhum comentário:

Postar um comentário