sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Morte de Fidel Castro: A Revolução Cubana em tópicos: Descendo a Sierra Maestra... em triunfo!





José Luiz Gomes


A guerrilha da Sierra Maestra durou exatos 02 anos e um mês. Começou em dezembro de 1956 e terminou em primeiro de janeiro de 1959, com a vitória dos revolucionários comandados por Fidel Castro, que chegou em triunfo à Havana, a capital de Cuba. Como disse antes, foram organizadas várias expedições militares de tropas leais à ditadura de Fulgêncio Batista àquela área, todas derrotadas pelas forças comandadas por Fidel Castro. Há alguns lances curiosos em todo esse processo, mas relatá-los, certamente, ocuparia todo o espaço deste artigo.O fato é que, mesmo enfrentando muitas adversidades - como traições, por exemplos - os guerrilheiros souberam superar essas dificuldades e lograram êxito sobre as tropas oficiais.

Certa vez um repórter perguntou ao presidente Fidel Castro se ele teria se arrependido de alguma medida tomada na presidência do país. Ele informou ao repórter que não se arrependia nenhum milímetro de suas atitudes à frente do governo revolucionário de Cuba. Faço essa observação em relação aos problemas de dissidência que ocorreram no grupo acerca dos rumos tomados pela revolução. Aliás, essas discordâncias de rumo, a rigor, já poderiam ser observadas ainda durante o momento da guerrilha da Sierra Maestra. Che questionava bastante Fidel Castro acerca dos acordos mantidos com os líderes guerrilheiros urbanos, com o propósito de costurar sua liderança no movimento. Célia Sánchez também conversava bastante com Fidel sobre as diretrizes políticas que os revolucionários deveriam adotar. Era uma interlocutora privilegiada do líder cubano.

Vamos deixar essa questão das dissidências para um capítulo a parte, até porque pretendemos abordar o caso emblemático do professor Huber Matos, que integrava o grupo da luta armada da guerrilha rural e, pouco tempo depois do êxito da revolução, abriu uma forte dissidência entre eles, sendo determinada a sua prisão. Reportar-se a este caso é importante, não pela repercussão alcançada, naturalmente, em países como os Estados Unidos, mas para conhecermos os limites impostos a uma experiência política singular ,como tem sido a experiência política cubana, que alcançou resultados espetaculares no que concerne ao combate ao analfabetismo, à desnutrição infantil, ao sistema educacional e de saúde, reformas urbanas e rural, mas não conseguiu enfrentar muito bem lidar com a questão das liberdades individuais e coletivas. Como diria o filósofo político italiano Norberto Bobbio, conciliar justiça social e liberdades individuais e coletivas ainda é uma equação a ser resolvido pelos sistemas políticos atuais.  

Outro dado, levantado pelo professor Fernando Magalhães, em postagem de sua página da rede Facebook, são as experiências socialistas em países de economia atrasadas e periféricas, assim como isoladas. Marx dizia que as melhores condições para o desenvolvimento de uma experiência política socialista deveriam se encontrar entre as economias capitalistas avançadas e, de preferência, que o processo fosse universal e não localizado num só país. Teria mais chances de êxito. Entre os revolucionários russos, Trotsk se afinava bastante com esta tese. As práticas terroristas e o embargo econômico imposto pelos Estados Unidos e, posteriormente o fim da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas sufocaram bastante a economia da ilha caribenha. Quando vivo, Hugo Chaves estabeleceu boas relações comerciais com o governo cubano, assim como o Brasil, nos governos de coalizão petista, procurava estreitar as relações comerciais com aquele país. 

Os compromissos sociais assumidos pelos revolucionários foram rigorosamente cumpridos, como a implantação de um amplo programa de alfabetização da população, a reforma agrária e urbana, assistência à saúde e melhorias profundas no sistema educacional. Praticamente não há analfabetos em Cuba. De acordo com dados da UNICEF, Cuba é o único país latino americano e do caribe que erradicou por completo a desnutrição infantil. A UNESCO reconhece o sistema educacional cubano como um dos melhores do mundo. Também não existem crianças em situação de rua em Cuba, o que deixava o comandante Fidel bastante orgulhoso. Certa vez uma publicação americana observou que universitárias cubanas estavam se prostituindo. Em sua réplica, o comandante Fidel teria dito: talvez fosse o caso da publicação observar que, em Cuba, até as prostitutas possuem curso superior.


P.S.: Do Contexto Político: Quando o assunto é revolução cubana...



https://pt.wikipedia.org/wiki/Revolução_Cubana
Revolução Cubana foi um movimento armado e guerrilheiro que culminou com a destituição do ditador Fulgencio Batista de Cuba no dia 1 de janeiro de ...
Precedentes · ‎Revolução · ‎Impacto · ‎Ver também

Morte de Fidel Castro: A Revolução Cubana em tópicos: Descendo a ...

https://plus.google.com/110402077345751405576/posts/58vgvSNtXpq
4 min atrás - Morte de Fidel Castro: A Revolução Cubana em tópicos: Descendo a Sierra Maestra... em triunfo! José Luiz Gomes A guerrilha da Sierra Maestra durou exatos 02 ...


Nenhum comentário:

Postar um comentário